segunda-feira, 16 de março de 2009

Pruit Igoe, WTC e Watchmen.

Como dito pelo Silvão no post anterior, a trilha sonora do Watchmen é um amontoado de hits, mas consegue de modo fácil e rápido nos ambientar nas épocas retratadas. Talvez com músicas lado B, não teríamos cenas tão marcantes. Fora isso, as principais referências da revista estão no filme.
Para ver os vídeos das músicas que são citadas no HQ, recomendo esse site. Só faltou a música do Iggy Pop/David Bowie.


Uma escolha precisa e cheia de simbolismo foi Phillip Glass para a trilha do Dr. Manhattan. Música do filme é uma junção das faixas Pruit Igoe e Prophecies, que fazem parte da também trilha sonora composta pelo Philip Glass para o filme Koyaanisqatsi (vida fora do equilibrio), um filme repleto de sloooooowmotion.


Mas a brincadeira para os arquitetos conspiradores, é a relação entre Philip Glass, Pruit Igoe e Manhattan. Um dos motivos que fizeram o diretor mudar o final do filme foi o 11/09, cenas dos novaiorquinos empilhados e ensangüentados, não foram consideradas apropriadas. A imagem lembrava a queda das Torres Gêmeas... Que por acaso é projeto do arquiteto Minoru Yamasaki, o mesmo do Conjunto Residencial Pruitt-Igoe cuja tomada da demolição inspira o Phillip Glass.



Mesmo sem mostrar mortos, as imagens finais do filme foram feitas para representar o Ground Zero do WTC. Só lembrando que o Ground Zero original é o de Hiroshima, resultado do projeto Manhattan.

As imagens do foram tiradas desse site, aonde temos mais explicações sobre 11/09 e o filme. O omelete também tratou do assunto.

2 comentários:

Silvio disse...

nossa até parece q vc e a valéria combinaram..
pq eu tive essa conversa com ela hehehe

Valéria Fialho disse...

tá vendo silvião ... quem sabe sabe ... hehehe ...
ótimo post flavião !